Boletim 286 - COMEMORAMOS OU NÃO O NATAL?

Muito se tem falado contra o Natal. Os principais argumentos são (1) origens pagãs ou católicas, (2) a influência mercadológica nos dias de hoje e (3) uma suposta violação do princípio regulador do culto. Apesar de haverem pontos válidos, no VE não cremos que haja qualquer impedimento bíblico para os cristãos comemorarem o nascimento de Cristo – atenção, comemorar o nascimento de Cristo – em uma data qualquer (ou no dia 25 de Dezembro). Iremos abaixo apresentar resumidamente alguns argumentos e referências sobre o assunto.

Série - Surpreendido pela mensagem do Natal

O fim do ano se aproxima e com ele chegamos a mais uma comemoração do natal. Uma festa que se torna repetitiva, com as luzes pela cidade, presépios decorativos, compra de presentes e uma boa refeição. Muitas vezes já se sabe a história de cor, porém perdeu-se muito do significado. Será que podemos ver algo novo no natal? Em dezembro começamos uma nova série de mensagens: “Surpreendidos pela mensagem do natal.” 

Série - Igreja Viva

Numa época de contestação às instituições sociais, políticas, culturais e religiosas, nenhuma instituição tem sido tão contestada em sua razão de ser, estrutura e valores, como a Igreja.

Ela é vista ora como um clube religioso, ora como um grupo de ação política e ora como um grupo de fanáticos tentando impor normas já de há muito ultrapassadas a um mundo de avançada tecnologia.

A Igreja instituída por Cristo há quase dois mil anos é ainda a mais atual, necessária e poderosa força para a transformação e salvação do homem.